Releases

CBVP adotará modernas práticas em sustentabilidade

Vivix per - 10 October 2012

A Companhia Brasileira de Vidros Planos – CBVP, que está sendo instalada no município de Goiana (PE), terá projeto voltado para o uso consciente dos recursos naturais

 
 
A Companhia Brasileira de Vidros Planos - CBVP, empresa do Grupo Cornélio Brennand, que está sendo instalada no município de Goiana (PE), foi concebida com base em práticas sustentáveis. A empresa tem como uma de suas diretrizes a utilização racional dos recursos naturais disponíveis e, por isto, adotará em sua planta ações que visem torná-la ecoeficiênte. “Estamos direcionados para o desenvolvimento sustentável e, por isto, nosso projeto já prevê a utilização de moderna tecnologia, uso de energia renovável, coleta seletiva, entre outras ações”, comenta Paulo Drummond, presidente da CBVP.
 
No local onde a planta está sendo construída, numa área de 90 mil metros quadrados, não houve supressão de áreas florestais, o que garante a manutenção da biodiversidade florestal e da fauna da região. Parte do terreno, onde não há projeto construtivo, será recuperado com a utilização do estoque de solo orgânico proveniente da terraplanagem e plantio de espécies florestais da Mata Atlântica, que atuarão como agentes de proteção da fauna e flora local, além de propiciarem uma melhoria no clima do entorno e a contínua captura do carbono, natural do processo de crescimento das espécies plantadas.
 
O projeto arquitetônico da CBVP é ecoeficiente e prevê a otimização da iluminação e ventilação natural, a utilização de lâmpadas de alta eficiência energética, gestão de resíduos do processo (caco) e do consumo (coleta seletiva). Além disto, a empresa contará com um sistema de captação da água das chuvas, que serão utilizadas no processo de fabricação do vidro. Haverá também a reutilização contínua dos efluentes gerados na unidade, onde a água tratada retornará para o processo de irrigação das áreas verdes, criando um ciclo sistemático que evita o descarte de efluentes em rios e córregos.
 
A fábrica utilizará em seu processo produtivo a tecnologia L.E.M.™ (Low Energy Melter™), inédita no Brasil, que permitirá uma maior eficiência energética e a redução da emissão de gases de efeito estufa, em comparação com a média mundial das indústrias de vidros planos. A matriz energética utilizada para a fusão do vidro no processo produtivo será o gás natural, seguindo a politica nacional de mudanças climáticas, que sugere o uso de matrizes energéticas menos poluentes.Para as demais etapas do processo produtivo e iluminação geral da fábrica, a CBVP consumirá energia elétrica proveniente exclusivamente de fontes renováveis, como as oriundas de Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCH´s)e usinas de açúcar e álcool.
 
Sobre a CBVP
 
A Companhia Brasileira de Vidros Planos – CBVP, localizada no município de Goiana (PE), é uma empresa com capital 100% nacional e a primeira do setor no NE. A nova planta contará com uma área construída de 90 mil metros quadrados,e terá como principais clientes as indústrias da construção civil, moveleira e automotiva. Com o início da operação previsto para o segundo semestre de 2013, a empresa irá gerar cerca de 370 novos empregos diretos e mais de 1.500 empregos indiretos. A CBVP produzirá vidros planos incolores e coloridos, laminados e espelhos.
 
A empresa utilizará tecnologia pioneira para fabricação de vidros planos e será uma das mais modernas plantas do mundo. A concepção do projeto arquitetônico será inovadora. As edificações concebidas utilizam um design que valoriza a linearidade e transparência, atributos e características do vidro plano. O parceiro tecnológico do Grupo Cornélio Brennand neste negócio é o grupo francês Fives, que possui a liderança mundial em tecnologia para fabricação de vidros planos, e está presente em mais de trinta países. A CBVP utilizará uma tecnologia inédita no Brasil, a L.E.M.™ (Low Energy Melter™), que fará com que a empresa tenha um processo de produção muito eficiente do ponto de vista energético.
 
Como parte do planejamento estratégico, a CBVP iniciou sua operação comercial em agosto de 2011, através da comercialização de vidros planos importados, que garantirá a formação de uma carteira de clientes ativa, quando do início da operação. Isto foi possível graças a alianças com fornecedores internacionais, que permitirão, também, intercâmbio de tecnologia e o desenvolvimento de novas tendências para o vidro plano.Para dar suporte as ações comerciais, foram inaugurados dois centros de distribuição, um no Cabo de Santo Agostinho (PE) e outro no estado de São Paulo.