Sustentabilidade

O uso racional dos recursos naturais disponíveis, a economia e uso consciente de energia, a adoção de matrizes energéticas mais limpas e com menor emissão de gases de efeito estufa, são algumas das discussões sobre desenvolvimento sustentável que ocupam a pauta atual da política e economia mundial. A Vivix compartilha essa preocupação com a gestão ambiental, e por isso adota as mais modernas práticas de sustentabilidade disponíveis no mundo para a planta de Goiana.

Como referência de gestão energética, a fábrica utiliza em seu processo produtivo a tecnologia L.E.M.™ (Low Energy Melter™), inédita no Brasil, que permite uma maior eficiência energética e a redução da emissão de gases de efeito estufa, em comparação com a média mundial das indústrias de vidros planos. A matriz energética utilizada para a fusão do vidro no processo produtivo é o gás natural, seguindo a politica nacional de mudanças climáticas, que sugere o uso de matrizes energéticas menos poluentes.

Para as demais etapas do processo produtivo e iluminação geral da fábrica, a Vivix consome energia elétrica proveniente de fontes renováveis, como as oriundas de PCH´s e usinas de açúcar e álcool.

O uso de lâmpadas de alta eficiência energética, a gestão de resíduos tanto de processo (caco de vidro) como de consumo (coleta seletiva) e a otimização da iluminação e ventilação natural também contribuem para tornar o processo ecoeficiente.

Outra ação sustentável da Vivix é a captação da água das chuvas para utilização no processo de fabricação do vidro e reuso contínuo dos efluentes gerados na unidade. A água tratada retorna novamente para o processo e irrigação das áreas verdes, criando um ciclo sistemático que evita o descarte de efluentes em rios ou córregos.